quarta-feira, maio 14, 2008

Coincidências...

Curiosa esta noticia de mais um aumento da gasolina... curiosa porque realmente como já lera nalguns blogs parece haver uma coincidência, chamemos-lhe assim, no facto de todas as gasolineiras definirem os mesmos aumentos e ao mesmo tempo... como não acredito que estas se reunam num almoço ou jantar "off-the-record"... deve ser obra do Espírito Santo ou de um visionário conhecimento de toda a conjuntura internacional que se aproxima. Ou então é mesmo só coincidência, não é?...

Os preços dos combustíveis aumentaram esta madrugada pela 15ª vez desde o início do ano, subindo novos três cêntimos, em média, no espaço de uma semana para a gasolina e gasóleo, segundo números divulgados pela Associação Nacional dos Revendedores de Combustíveis (ANAREC) que considera nova subida "escandalosa".

Segundo o presidente da ANAREC, Augusto Cymbron, hoje ao início da madrugada, o preço do gasóleo passará dos actuais 1,339 euros para os 1,369 euros e a gasolina sem chumbo 95 passa dos 1,449 euros, para os 1,479 euros.

O responsável considera assim "escandaloso" que as gasolineiras insistam em aumentar o preço dos combustíveis, numa "especulação pura" do mercado, remetendo para o lucro reportado no primeiro trimestre pelas principais empresas do sector.

"Olha-se por exemplo para o resultado da BP no 1º trimestre, que obteve um lucro 63 por cento superior ao de igual trimestre do ano passado, e percebe-se. Como é que podem continuar a argumentar que os aumentos do combustível são motivados pela alta do petróleo", questionou.

Augusto Cymbron lembra ainda, a propósito, que o Ministério da Economia e da Inovação anunciou que pediu à Autoridade da Concorrência para que analise, com urgência, a formação do preço de combustíveis em Portugal, de forma a garantir que este reflicta os custos de produção. "É escandaloso que as subidas continuem a este ritmo, não sabemos como e quando isto vai parar", concluiu o presidente da ANAREC.

in Publico, 14 Maio 2008
obs: negritos de minha autoria

3 comentários:

maria helena almeida disse...

Realmente é verdadeiramente escandaloso o aumento dos preços da gasolina e do gasóleo. Como é que as empresas poderão trabalhar com estes aumentos? Nós é que iremos pagar esta factura bem paga. São os aumentos dos transportes; serão os aumentos dos produtosd alimentares; enfim só o Senhor primeiro ministro que anda de BMW é que não se importa pois quem lhe paga tudo é o Zé povinho que trabalha dia e noite para ganhar o seu sustento que mal chjega para pagar as suas dividas.

Pedro Veiga disse...

O problema mais grave é que isto não vai parar. Vai continuar porque estão reunidas todas as condições para a subida exponencial dos combustíveis: especulação dos preços, aumento do custo de extracção da matéria prima e a permanência do fenómeno do "peak oil". Vamos mesmo ter que mudar velhos hábitos muito instalados.

António Miranda disse...

Estes aumentos passaram de ser um escândalo para ser um verdadeiro crime de colarinho branco, um roubo descarado. Neste país de tachos e tachinhos, todos os nossos políticos são cúmplices pois necessitam manter os seus rendimentos. Para quem quiser ver aqui ao lado, na nossa vizinha Espanha, a toda poderosa Galp vende os combustíveis muito mais baratos que em Portugal e acreditem que eles não ganham menos que a média dos portugueses.