sexta-feira, julho 04, 2008

MEMBRO DA CLASSE POLÍTICA DOMINANTE

O site resistir.info faz propaganda do PCP. Ontem, resistir.info comentava a libertação de Ingrid Betancourt como a de "um membro da classe política dominante." O resistir.info não gostou da libertação de Ingrid Betancourt. E é com todo o direito que o diz - a liberdade de expressão não foi inventada só para a gente de bem. Eu apresentaria Ingrid Betancourt de outra forma: uma democrata. Uma democrata com provas dadas que não devem nada às de nenhum, nenhum, dos 230 deputados portugueses. Cada um destes 230 "membros da classe política dominante" portuguesa, do CDS ao Bloco de Esquerda, deveria perguntar a todos os colegas: "Merece algum de nós passar 2323 dias preso, no mato e acorrentado, só por ser democrata ?" Depois de ler resistir.info suspeito que haja políticos que diriam que sim. Cada deputado português merece saber que colegas pensam assim. Pelo menos para não lhes sorrir da próxima vez que beberem um bica na cafetaria do parlamento.

Ferreira Fernandes in DN, 5 Julho 2008

Sem comentários: