sábado, dezembro 27, 2008

eldorado - uma comédia do minho

A partir de excertos de Vídeos do Youtube e do universo de Steven Berkoff

"Deve ser um paraíso não ter pânico_um lugar onde não se está sempre a tremer_um Eldorado_já chega disto_já estou pelos cabelos_como um tambor a bater sempre ao mesmo ritmo na cabeça_bum bumbum_"

Encenação e Adaptação: Pedro Penim
Assistência de Encenação: José Nunes
Interpretação: Gonçalo Fonseca, Luís Filipe Silva, Mónica Tavares, Rui Mendonça e Tânia Almeida
Operação Luz e Som: Vasco Ferreira
Produção: Comédias do Minho

Classificação: M16
Duração do espectáculo: 90 min.aprox

Apresentações
6, 7, 8 Janeiro - 21h30 - teatro Taborda

Vivemos todos sob a ameaça da bomba - cancro - carcinógeneos - doença - desemprego - impotência - pânico do pânico - pretos - brancos - polícias - multas de estacionamento - esquecer as nossas deixas - perder dinheiro - ganhar demasiado dinheiro - perder cabelo - engordar - ficar feio - não ter graça - ser tímido - ser tonto - aprender piano - pânico de falhar - de não causar boa impressão - pânico da força dos outros - pânico da fraqueza - pânico de ficar exposto - de não chegar a horas ao emprego - de não ter reforma - de morrer - guerra - aleijado num acidente de automóvel - de não entender a piada - pânico de correr riscos - de mergulhar de uma prancha - pânico obsessivo de aranhas - pânico de pessoas - festas - multidões - pessoas espertas - pânico de dizer o que se pensa - pânico das mulheres - pânico dos homens - pânico da ansiedade –

Por isso este espectáculo é dedicado a todos os que entram em pânico.

Sem comentários: