sábado, setembro 19, 2009

Talvez seja do cansaço...

... Mas não consigo perceber como tudo isto passou de uma noticia do DN sobre um assessor presidencial que criou em "laboratório" uma falso caso para o Público e respectivo interesse de um partido no escândalo... para a pretensa existência de novas escutas sobre o jornal envolvido no conluio. Claro que algumas horas depois já o respeitável sr. editor do Público já se apercebeu que se calhar não pode mentir descaradamente sobre pretensas escutas.
Deve ser cansaço só isso... porque negar a a história das primeiras escutas é que não... isso não seria política de verdade.

Mas, o que me impressiona mais é o pior presidente da república no Portugal democrático continuar nesta guerrilha. Não pode. Só pode fazer duas coisas: ou o governo espiou e escutou e tem que necessariamente de ser demitido antes das eleições e serem julgados rapidamente os culpados; ou apresenta a demissão porque um presidente não pode criar boatos para intervir na politica. O presidente não pode deixar para depois a tomada de decisão. Não pode. É pura incompetência! E pura falta de respeito pela democracia. Uma coisa é certa nada surpreende neste senhor que foi um primeiro-ministro que por diversas vezes desrespeitou uma democracia mais madura.

Sem comentários: