terça-feira, março 30, 2010

túmulo

para uma compreensão
mineral do poema
permanecer sempre
no mesmo sítio


Miguel-Manso

Sem comentários: