quarta-feira, maio 05, 2010

abrupto

já tinha saudades desta ânsia de escrever. deste regresso às minhas palavras. destas noites com café. 
deste cair abrupto sobre mim mesmo. é assim mesmo. o orgasmo das palavras.

Sem comentários: