sexta-feira, julho 30, 2010

do diálogo

É a tua música que nós vamos coreografar.
– Não. É o teu bailado que vou musicar.
Riram os dois. Ele deu uma palmada no joelho dela e disse:
– Vamos falar sério. O bailado não precede a música, nem esta o bailado. É dialéctico. Estória, música, bailado, nascem uns dos outros e, evoluindo, se modificam uns aos outros. Assim é que deve ser.

Pepetela in Lueji - o nascimento de um império

Sem comentários: