quarta-feira, agosto 31, 2011

quando o aqui é tão longe.

poderá ele viver rodeado de palavras e adormecer sem se encostar à seguinte? poderá ele desenhar palavras feitas mesmo à medida de um autor-condutor-de-ideias-de-domingo e não encontrar o sinal proibido no inicio do beco? poderá ele desaprender o a-b-c e começar a escrever da esquerda para a direita? poderá ele continuar a ser ele quando o aqui é tão longe?

Sem comentários: