segunda-feira, junho 18, 2012

os livros surgem do escuro...


...e papam-me os dias.

Sem comentários: