quinta-feira, julho 19, 2012

O inevitável golo de Mantorras na noite da despedida

O último jogo da carreira de Pedro Mantorras teve três momentos altos: a sua saída do banco de suplentes (ou entrada em campo - link), o golo que marcou (link) e a sua substituição (link), a cinco minutos do final. Foi por causa do angolano que milhares de adeptos acorreram aos Estádio da Luz. E para apoiar uma causa humanitária: o apoio a crianças desfavorecidas.


nota: infelizmente a maior parte da sua carreira foi apenas mediana, mas soube sempre a pouco perante as expectativas anteriormente criadas. um jogador amado pelo 3º anel. uma figura que marcou mais de uma década... e isso não é pouco.

Sem comentários: