quinta-feira, abril 18, 2013

nem à lei da bala

© Swoosh

pobre o povo que tem tão pobres governantes (link) e que vota em políticos que esqueceram há muito os seus eleitores e que insistem em não pensar nos seus nem à lei da bala. contudo, o resultado desta votação não é, de forma alguma, uma surpresa. a recusa desta lei é mais um dia díficil para obama, ele não o merecia, os pais, filhos, mães, amigos e todos os outros que fazem vida das vigílias após mais um crime "inesperado" também não o mereciam. então quem merece o tiro certeiro?

Sem comentários: