quarta-feira, outubro 30, 2013

levas a carteira para o palco?


isto não é um documentário sobre uma banda, isto não é uma viagem à vida privada de uma banda, isto não é uma banda. agora somos todos national.
tom não é matt, não é o macho alfa, não é óbvio, muito menos previsível. este filme ultrapassa a banda, o rock, o matt, os irmãos dessner e os devendorf. são as perguntas inesperadas - levas a carteira para o palco? e o relógio? que drogas já usaste? -, os momentos incómodos - mete os óculos. tira-os. olha para aqui. diz isto e aquilo. -, os desabafos sentimentais - o meu irmão gosta mais de mim do que eu muitas vezes -, e é a realização-tentativa-erro-ou-então-não.
há pouca música e, contudo, há mais national do que é habitual num documentário sobre uma banda. há national, mas não há suficiente material sobre a banda. os national somos todos, diz o matt a pedido do tom. talvez sejamos, talvez não, mas isso interessa realmente?

Sem comentários: